quinta-feira, 30 de junho de 2016

Resenha: A Gerra dos Tronos

Título: A Guerra dos Tronos
Autor(a): George R. R. Martin
Editora: Leya
Gênero: Literatura americana, Ficção fantástica americana
ISBN: 978-85-62936-52-4
Minha Avaliação: ★★★★★ 5/5

Sinopse: Em uma terra onde o verão pode durar décadas e o inverno toda uma vida, os problemas estão apenas começando. O frio está de volta e, nas florestas ao norte de Winterfell, forças sobrenaturais se espalham por trás da Muralha que protege a região. No centro do conflito estão os Stark do reino de Winterfell, uma família tão áspera quanto as terras que lhe pertencem.
Dos lugares onde o frio é brutal, até os distantes reinos de plenitude e sol, George R. R. Martim narra uma história de lordes e damas,soldados e mercenários, assassinos e bastardos, que se juntam em um tempo de presságios malignos. Entre disputas por reinos, tragédias e traições, vitória e terror, o destino dos Stark, seus aliados e seus inimigos e incerto. Mas cada um está se esforçando para ganhar esse conflito mortal: a guerra dos tronos.

Resenha: A guerra dos tronos é o primeiro livro de As cronicas de Gelo e Fogo, que conta com cinco livros publicados e a promessa de um sexto volume que fechara a saga.
Martin cria um universo paralelo em uma era medieval para seus personagens e a trama é tão bem elaborada que por vezes me esqueci que Winterfell só existe em Westeros!
Nesse livro que inicia a saga, temos foco nos nortenhos de Winterfell, os Starks. Esses são considerados fortes como a Muralha que guarnecem a milhares de anos, e duros como o gelo, gelo esse que promete chegar em forma de um inverno longo e extremo como nunca visto.
Já que, 'O inverno está chegando.'
A narrativa é complexa a qual Martin a faz em terceira pessoa e em cada capitulo temos a perspectiva de um personagem chave.
O trono de ferro é ambicionado por lordes poderosos das sete grandes casas que Westeros possui. O trono foi conquistado por Robert Baratheon após uma gerra, onde o rei louco Aerys Targaryen foi morto. Ele, e todos os descendentes na linha de sucessão, com exceção de Daenerys e de Viserys Targaryen, que conseguiram fugir e se exilaram nas Terras Livres.
O que o Rei Usurpador não contava, é que essas crianças cresceriam e reivindicariam o trono de ferro.
Com a morte do rei Robert em um acidente de caça e com uma conspiração que reduz os membros da casa Stark, temos o cenário perfeito para uma nova guerra em Westeros.
Onde cada casa tem suas próprias motivações para as quais lutarem. Seja por vingança, ambição ou por direito, o foco é o trono de Ferro.
Pois, 'Quando se joga o jogo dos tronos, ganha-se ou morre.'

Eu como leitora de fantasia que sou, estou encantada com o universo que Martim criou. Com seus reis, rainhas, magia, intrigas e dragões (sim, complemento perfeito é ter dragões!)

2 comentários:

  1. Oie Jana.

    Tô aqui com o meu box de GOF e tô ando de mais a leitura hahahaha. Amei a resenha. Muito suceeso. Tô seguindo...

    garotoliterariio.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Thiago! Estou adorando a saga! Que bom que gostou... logo tem a resenha do livro 2!

      Beijos, Jana!

      Blog Viajeinasentrelinhas

      @ViajNasE_Linhas

      Face viajeinasentrelinhas

      Excluir